Rádiofobia Podcasts
HostagorBlubrry

RADIOFOBIA 37 – Apaixonados pelo rádio I

Essa é a sua Érre Ésse Êne, ZYK-666, operando em 1.430 Khz.

No pograma de hoje os radialistas do RADIOFOBIA Leo Lopes, Marcos Lauro e Mau Faccio convidaram os amigos também radialistas Daniela Monteiro e Gabriel Passajou para falar sobre a grande paixão de suas vidas: o RÁDIO!

Você vai aprender o que fazer para NÃO trabalhar no que gosta, onde pode ganhar a fortuna de R$ 3,00 por hora de trabalho, como apresentar programa sertanejo em rádio AM sendo roqueiro e refletir sobre a pergunta que não quer calar: ONDE FOI PARAR O LAURITO?

Melódias de gabardã selecionadas pelo Gabriel:
New Order Blue Monday´88
Information Society What´s on your mind
Talk talkIt´s my life
Cindy LauperThe Goonies ´R´ good enough

Links citados na leitura de e-mails:
Assine HostGatora melhor hospedagem para seu bangalô virtual – e seja feliz!
Siga o Twitter do RADIOFOBIA e acompanhe as atualizações do site

Indicação podcastal do RADIOFOBIA:
Visão Histórica – site e podcast

Links citados durante o pograma:
Gabriel Passajou.com – o blog sinônimo de rádio
DanyCast – Daniela Monteiro
Sambarbudo Project – o podcast
Site do Mau
Monacast 80, onde a Daniela conta a história na lenhada na escadaria da Facu

Siga nosso elenco de fino trato no Twitter:
– RADIOFOBIA – podcast e site (@radiofobia), Leo Lopes (@leoradiofobia), Quessa (@_Quessa_), Laurito (@olaurito), Marcos Lauro (@marcoslauro), Mau Faccio (@sitedomau) e Lu Negrette (@lunegrette)

iTunes:
Se você tem o iTunes instalado no seu computador e quer assinar o nosso feed, clique aqui!

E-mails:
Sugestões idiotas, idéias malucas, elogios ou simples abrax e recadalhos podem ser enviados para podcast@radiofobia.com.br!

Colaborações:
Se você canta, imita, desenha, compunheta ou imita a Gretchen, tome coragem e mande sua colaboração para colaborador@radiofobia.com.br!

Pedidos de Melódias:
Mande sua recomendação musical para nossa Cortina de Melódias escrevendo para melodias@radiofobia.com.br!

Pra saber como ser parceiro do RADIOFOBIA escreva para contato@radiofobia.com.br e veja como é fácil ter a sua marca aliada a um pograma da mais alta gabardância!

Clique aqui para fazer o download da versão ZIP

  • http://macgaren-clarimdiario.blogspot.com/ wellington "Mac

    aeew sou apaixonado por rádio escuto desde criança mas deixa eu escutar o programa primeiro pra comentar direito depois.

    Wellington "Macgaren" São Paulo 30 Anos

  • http://danielamonteiro.wordpress.com Daniela Monteiro

    Pau no cu do first! o/

  • http://tabernadosmok.com.br/ Rafael Smok

    Estou baixando, para ouvir com muito amor e carinho (uuii)

    Mas antes uma coisa…

    Que historia é essa de dar um tempo com o Radio Fobia?

    Faz isso não cara!

    • Leo Lopes

      Hehe, reveja minha timeline de ontem à noite e você vai entender…

      Pode me xingar muito no Twitter!

      Abraço na boca!

  • http://www.redbaronbb.blogspot.com Rubon Red Baron – 30

    Ótimo pograma, principalmente abordando um tema dessa relevância, ouvia muito rádio, principalmente programas de humor, porém no trabalho não consigo ouvir rádio. No entanto passo mais tempo ouvindo podcast que propriamente rádio, pois os programas que eu costumava ouvir não passam pela internet.

    Infelizmente as rádios daqui na região tocam apenas música que não agradam aos meus ouvidos, e ainda inserem muitas propagandas, acabei riscando elas da lista.

    Fico no aguardo pela continuação desse tema!

  • http://emisu00 Emerson (emisu)

    Ola amigos!!!!!

    não deu para ouvir a o progama no dia da gravação

    mais aqui estou para escutar o podcast.

    Obrigado pelo cast e ate mais

  • http://www.historica.com.br Orfão, Pablo

    Meu querido Leo (primo)Lopes, fico engrandecido, feliz, austero e historicamente agradecido pela indicação podcastal do HISTORICA. Sua opinião demerda vale muito pra mim. Resumindo nos da familia historica lhe desejamos um abraço na boca bem forte.

    Obrigado.

    ps. Não sou mais segurança de capela.

  • Nathan Abelha

    A pena que eu cheguei só no final da gravação ao vivo. :(

    Mas esse cast conserteza tah show!

  • http://Twitter Diogo Lopes

    Gostei do programa, foi a melhor seleção de musicas que fizeram no Radiofobia, parabens ao Gabriel. E agora o pessoal de radio faz transmissão de alguns programas pela internet (com imagens ao vivo), mas penso que o melhor jeito seria como é feito o podcast atualmente, pois não há tantos problemas na transmissão e quem quiser ouvir novamente um programa que escutou ele estará guardado para sempre, abraços.

  • http://www.descontrolepodcast.com CHICKENIPLES (@excam

    avatar fodástico redbaron! ahuauhahuahu

  • http://@kusannagi Victor Auréli

    Muito bom o programa, apesar de ouvir muito pouco o rádio ele ainda é um ótimo instrumento de informação já que as ondas da AM tem um grande raio alcance, e um das melhores melhores que pessoas que moram em locais isolados que as vezes não tem água/luz em casa tem para poder se manterem um pouco informadas e ter um entretimento.

    No próximo programa o Léo poderia abordar um pouco sobre a rádio novela, e quem sabe arriscar uma ao vivo, com direito a trovoadas, portas abrindo e trote de cavalo.

  • http://www.twitter.com/andrelt André | 23 an

    Olá! Já sou um ouvinte mas nem sempre comento. Para contribuir com a discussão, ouço podcasts justamente porque gostava de programas de rádio, mnas não consigo ouvir mais o rádio porque não temos programas bons, e a música é horrível! hAUhUA Ainda sintonizo rádios online, que tocam boa música, mas não consigo sintonizar aqui na região normal.

    Não temos muitas opções, por ser cidade pequena (apesar de litoral)

  • http://@bookeatingboy Bookeatingboy – Lond

    Grande Leo,

    este episódio foi sem dúvida o mais legal de todos!

    E não estou falando de qualidade técnica, que é indiscutível, mas sim do assunto em si: excepcional.

    Pode garantir que se depender da minha torcida, está com muita sorte, pois seu carisma e seu profissionalismo na apresentação do programa faz com que eu concentre todas as boas vibrações possíveis para os seus objetivos profissionais.

    Quanto ao progama, um outro lado que tocou em mim foi o nostalgico. A cada um dos comentários que vocês fizeram sobre o radio no passado, era um filme que ia passando na minha cabeça. Desde as fitas cassetes que usei para gravar as músicas, até as vezes que ficava horas no telefone para conseguir ser o primeiro a ligar e pedir a música "ao vivo" no rádio! Era uma emoção só!

    Por fim, estou aqui mesmo para dizer que competência não lhe falta e para não desistir, pois pode ter certeza que o programa RadioFobia lhe abrirá muitas portas.

    Sucesso!

    P.S.: Depois da Lavagem cerebral com "We no speak americano" nas leitura de e-mail, tive de providenciar a música, ela é contagiante demais!

  • http://www.nextmachina.com.br Lilith

    Olá, caro Leo, aqui é a Lilith do Nextmachina.com.br.

    Bom, tenho 27 anos, e definitivamente nunca fui uma pessoa ligada ao rádio. Não conheço praticamente nada de música nem tenho bandas ou cantores favoritos.

    Mas posso dizer que era hilário ver meu pai, quando eu tinha uns 10 anos, com a sua fitinha cassete preparada para gravar alguma música no rádio… quando vinha aquela vinheta no meio da música com o nome da rádio, não tinha uma vez que ele não soltasse um palavrão, hauahaauaha…

    Apesar disso, entendo o drama de vocês com relação a ter um registro profissional, mas não ter por onde começar a trabalhar… e precisar de indicação para trabalhar numa rádio…

    tenho um problema similar com DRT de ator… porque gostaria de trabalhar em dublagem, mas tb não tenho QI, hehehe…

    Mas continue com o excelente "pograma"! Muito divertido e gostoso de ouvir. Sucesso!

  • http://lucascm_frc Lucas CM, 28 anos, F

    Pessoal, bom episódio. Parabéns.

    Eu gosto de ouvir rádio, mas, infelizmente hoje tenho que acompanhar somente as que estão disponíveis na internet.

    Gosto de programas de entrevista que possuem um pouco de humor e hoje só conheço dois programas assim (que acompanho pela transamerica).

    Será que esse tipo de programa não dá audiência? Ou será que não tem como medir isso no rádio? A maioria da programação é composta por "2 horas só de música", ou as "10 + da semana". Sei lá, acho que seria bom mudar esta mentalidade, pois estão perdendo muito espaço para os tocadores MP3 da vida. (não vou deixar de ouvir minhas músicas favoritas pra ouvir "restart" ou "vitor e leo" no rádio..rsrsrs)

    obs: muito bom o podcast indicado.

    abraços

  • http://@lucas_yas Lucas Yassumura, 41

    Sem dúvida, este está entre os melhores programas que já ouvi aqui no Radiofobia. O assunto é apaixonante.

    Sou da geração rádio, que acordava às 6h com meu pai ouvindo Zé Bettio, em seguida entravam Gil Gomes, Silvio Santos (com Nelson Rubens e Zora Ionara) e Barros de Alencar. Depois, simbora pra escola, mas de tarde lá estava o Zé Bettio de novo com seus boleros!…

    Anos mais tarde, acabei me tornando pupilo de um ex-locutor da Jovem Pan AM, simplesmente o cara que anunciou o filme do Ben Hur no Brasil… Isso quase cheira a mofo, mas rádio é rádio, apaixonante em qualquer época.

    Muito do que escuto em podcasts, como o próprio Radiofobia, lembra-me os gloriosos momentos da rádio.

    Quero ver a continuação deste programa. Leo, você e seus convidados estão de parabéns por este emocionante episódio.

    Abrax!

  • http://twitter.com/samuelvarela Samuel Varela – Crat

    Excelente podcast.

    Ao ouvir falarem sobre programas me rádio me lembrei de um que eu sempre ouvia na minha infância. Meu pai sempre ligava ele para ouvir um programa sobre a região chamado: "Coisas do meu Sertão", sempre citavam uma poesia do Patativa do Assaré ou de algum outro poeta da região, falavam algumas notícias. O apresentador já morreu, mas um amigo conseguiu pra mim um CD com alguns programas gravados, de vez em quando ouço para relembrar aquela época.

    Hoje em dia, meu pai ainda liga o rádio pela manhã para ouvir as notícias da cidade. Mas também é só nesse horário mesmo, pois no restante do dia ele fica desligado.

    Olhando a trajetória dele não vejo um final tão cedo. O rádio ainda tem muito tempo de vida. Não vejo como poderia melhorar, como torná-lo "2.0". Pois já existe uma interatividade.

    Nos programas musicais as pessoas ligam para pedir musicas, nos programas de notícias as pessoas ligam para reclamar de alguma coisa ou fazer um comentário que vá completar a notícia dada. Mas isso não acontece em todas as rádios. Mas pelo menos as que eu ouvia pela manhã era assim, havia uma grande interatividade com os ouvintes.

  • http://www.profissionaldebermuda.com Almighty

    Vocês queimaram uma pauta do Bermudacast, mas tudo bem 😛

    Não tinha um podcast melhor pra falar sobre rádio, ainda mais com participantes de alto garbo e elegância. O papo foi muito legal.

    Muita gente ainda ouve rádio, ele não acaba tão cedo. O podcast, ao meu ver, é um upgrade do rádio, mais ou menos o que o YouTube foi pro vídeo. A mobilidade é a grande questão das novas mídias.

  • Hal 9000

    Sou um apoixonado por rádio. Tenho meu radinho aqui do lado do computador que é meu companheiro de trabalho. Só o desligo para escutar podcasts.

    Pena que tenho um voz desgramada! Senão seria mais um locutor-passa-fome.

  • Edgar Silva

    E aí pessoal do Radiofobia!!!

    Sou mais um desocupado e com graves sintomas de demência que escuta essa bagaça.

    Me chamo Edgar Silva, 35 anos, vigilante e sou de Planaltina/DF.

    Voces estão de parabens e gostaria de comentar que esse programa especial sobre o rádio me trouxe boas lembranças, tal como o primeiro rádio que ganhei, de minha avó. Fiquei tão feliz que saia na rua com ele no ombro e o ouvido colado no rádio. Passava a madrugada inteira zapeando pelas emissoras AM de todo Brasil.

    Desse tempo me lembro do Zé Bétio, da Turma da Maré Mansa, do Globo no Ar, da Rádio Tupi e tantos outros.

    Um grande abraço.

  • http://www.twitter.com/FelipeBonifacts Felipe "Bonifac

    Olá, posso fazer um jabá? Eu recomendo o livro Ninguém faz Sucesso Sozinho do Tuta de Carvalho, lançado pela editora em que eu trabalho! http://www.escrituras.com.br/livro.php?isbn=97885
    vlw!

  • http://twitter.com/FelipeLima83 Felipe Lima, 26, Osa

    Pra mim, o rádio continua sendo a mídia mais barata e rápida de conseguir informações.

    Seja parado no trânsito, no estádio de futebol, ou na fila do banco, o rádio vai suprir todas necessidades, de informar e entreter.

    Apesar dos avanços tecnológicos, os iphones, ipods, da vida, o velho radinho de pilha, ou no proprio celular, sempre vai quebrar o galho.

    É só lembrar daquele apagão que aconteceu no Brasil. Sem energia, o rádio foi o único meio de comunicação que tinha condição de informar os ouvintes o que estava acontecendo.

    É lógico que a nova geração não liga muito pro rádio. Prefere o computador, celular, etc. E mesmo assim, eles estao sempre ouvindo alguma coisa relacionado a alguma banda preferida, ou promoções de shows, etc.

    enfim. eh isso..

    att+

  • http://twitter.com/hevertonfreitas Heverton Coneglian,

    Olá pessoal do Radiofobia!!

    Já conheço o podcast há algum tempo, mas só agora tive tempo para fazer um comentário. Cheguei aqui no episódio 30 do Guanabara e não parei de ouvir.

    Muito bom o programa sobre o rádio. Aqui na minha cidade as rádios não tem uma programação que atraia outros tipos de publico, apenas tocam as mesmas músicas umas 30 vezes no dia.

    Parabéns pelo podcast, que apesar de ser relativamente novo, é um dos mais profissionais e bons que já ouvi.

    P.S.: Léo, quando tiver um tempo, ouça o Progcast http://progcast.wordpress.com . É um podcast sobre rock progressivo, e que gosta de discutir todas as suas vertentes. Eu participei do episódio 13 e foi muito bacana a experiência. O pessoal lá iria achar muito legal serem indicados por vocês!!!

    Abraço!!!

  • http://geekpaulistano.com.br Du Delboux (delbu) –

    Grandeeee Leo Lopes, sou ouvinte a + de 3 meses do cast e resolvi comentar nesse! Também sou formado em Rádio e TV (1999) mas a falta de uma oportunidade me fez correr para a Internet em 2000 quando sem dúvida dava muito mais dinheiro do que a profissão que escolhi para a graduação! Muito dos depoimentos dos participantes refletiram bem a minha experiência logo da formação, parabéns pelo cast, tah cada vez melhor…

  • http://J__ade Jade

    melhor seleção musical de todas!

  • http://historica.com.br Toppera

    Finalmente “alcancei” o último episódio do Radiofobia depois de agradável maratona. E tenho a dizer que os podcasters ou pretensos comunicadores tem muito pra aprender com o Sr. Léo Lopes, patrão de todos nós que achamos que temos a capacidade de falar.

    Deixando a rasgada (de seda) de lado, fico feliz com a indicação e aguardo o episódio sobre a história do rádio.

    Abraço

    NOTA: Laurito imitando Silvio Santos deveria ser uma vinheta obrigatória em todos os episódios. Dançando e rodando… porrrrrrra (:

  • http://@jessicabertol Jéssica Dalci

    cacofonia exemplar aos 1h37min!! ^_^ Mto engenhoso!!



Nossos parceiros

Jovem NerdRede GeekCidade GamerPelada na NetDanycastPapo de GordoCinecastJurassicastPauta Livre NewsTelhacastTecnocastCafé BrasilNa CalçadaAspiraCastNossocastAnimaTunesPortal do JapaMaestro BillyTeatro de BonecosA Vida com Logan

Siga nossa equipe no Twitter

RádiofobiaCurso de PodcastAlotenicaLeo LopesQuessaMarcos LauroLauritoDaniela MonteiroVicacquaJohn Vee JonesBruno CostaRafa PizzaIra CroftTensoVelho e Chato

Curta nossa página no Facebook