A comparação de nossas vidas a uma simples estrada de terra: reflexão de Antônio Viviani que apresentamos neste episódio do Podcast Texto Sentido, que sempre conta com as trilhas sonoras de Marcelo Gagliotti.

Vamos ouvir?

Vamos sentir?

Se você tem algo escrito de sua autoria ou de alguém que concorde que seja publicado aqui, envie para o e-mail: podcasttextosentido@gmail.com.

 

Estrada de terra

Somos todos como uma estrada de terra ou, como se diz lá no interiorzão, estrada de chão batido.

Sujeitos ao sol, à chuva, ao vento…

Enfim, muito mais influenciados pelas intempéries externas do que pelas internas.

Um dia surge um buraco ali e noutros surge uma pedra, uma poça, ficamos mais ou menos poeirentos,

enlameados, amassados por quem pisa ou passa sobre a estrada. Às vezes fica tudo lisinho.

Só uma coisa é certa. Não há um dia sequer que a estrada seja como no dia anterior

e certamente não será a mesma no dia seguinte.

É tudo muito dinâmico e, por mais que a gente queira, tem coisas que não conseguimos dominar.

Só uma coisa podemos fazer. Impormos, pela força de vontade, a direção que esta estrada deve tomar

com o mínimo de bifurcações possível rumo ao nosso objetivo.

A’Viv
22Ago2015
11h56

Ouça nossos podcasts onde quiser